Quando eu vejo uma pessoa falando com tanto ódio e rancor no coração, fico imaginando como anda  a vida dessa pessoa. Fico penalizada por ela estar sofrendo tanto e ter tanto rancor guardado dentro de si e ao invés de fazer terapia, fica descontando em quem não tem nada com a vida dela. Simplesmente essa pessoa fica tão amarga que sai espalhando o veneno dela em volta de todos que a cercam. É uma mágoa grande, um ódio avassalador, uma vida de problemas sérios que a gente nem imagina qual seja, mas essa pessoa te mira, te acerta e te magoa, como se ferir todos que encontra em sua frente fosse a melhor maneira de desabafar.
       Eu fiquei pasma de imediato, mas depois entendi pelo seu tom de voz  que Luis Carlos Prates estava fazendo era nada mais que um desabafo inconsciente que sua mente guardara há tempos. Ele soltou todo seu ódio e ressentimento por Dilma ter vencido ás eleições. Foi isso que eu vi. Nada mais. Magoou humildes que graças ao bom governo Lula tem dado oportunidades para que os trabalhadores da antiga classe social, chamados de pobre passassem para a classe média alta e se torturou de ter que dividir espaços que antes eram só de alguns e que agora são de todos.
     Mais lamentável que ouvir seu comentário infeliz é saber que tem um monte de gente que concorda com ele e ainda bate palmas.
     Soube disso lendo um bando de comentários em um site sobre o besteirol que ele falou. São pessoas que pensam como ele. Guardam rancores, se sentem menos ricos e olham os humildes como se fossem lixos saindo das lixeiras de onde não deveriam sair nunca. Incomoda para ele e para muitos o simples fato de saber que um trabalhador que se lascava para poder pagar suas contas no passado por causa da inflação violenta e enorme que havia no passado, agora poder pagar suas contas e ainda ver sobrar uma merreca no fim de cada mês e poder pagar uma prestação de um carro, de uma casa.
     Acham absurdo um pobre que agora não é mais tão pobre poder viajar de avião e dirigir seu próprio carro.
     Se por um lado os ricos estão ficando menos ricos, os pobres ainda estão suando para poderem ter um algo mais em suas vidas.
     Pena que isso incomoda alguns. Não deveria. Mas incomoda.



                             

0 comentários:

 
Blogger Templates