Lady Gaga  reagiu à notícia do suicídio de Jamey Rodemeyer, de 14 anos. O jovem era vítima de bullying (nomeadamente por ser homossexual) e no passado mês de Maio, tinha inclusivamente publicado um vídeo seu a falar da sua experiência pessoal, para a campanha de consciencialização "It Gets Better" - (veja vídeo no youtube)
   Jamey acabou por ser insultado e humilhado até mesmo no YouTube, por utilizadores que deixaram comentários como «mata-te, que fazes um favor ao mundo».

 O adolescente suicidou-se no passado domingo.

Lady Gaga soube da notícia trágica e abordou o assunto no Twitter, dizendo que se vai encontrar com o Presidente Obama e que vai lutar para o bullying se torne ilegal.

Gaga escreveu no seu Twitter:

«Nos últimos dias reflecti, chorei e gritei. Tenho tanta raiva dentro de mim. É difícil sentir o amor quando a crueldade tira a vida a alguém. Jamey Rodemeyer, 14 anos, suicidou-se por causa do bullying. [link para vídeo de Rodemeyer] O bullying tem de se tornar ilegal. É um crime de ódio. Vou-me reunir com o nosso Presidente. Não vou parar de lutar. Isto tem de acabar. A nossa geração tem o poder para acabar com isto. Escrevam #MakeALawForJamey no tts.





FONTE:       http://www.myway.pt/            




0 comentários:

 
Blogger Templates