Não vou mentir pois nem conseguiria. O tempo tá curto, a vida corrida e no final quem perde? Todos perdem.
Enquanto luto pra organizar minha vida e deixar as coisas arrumadas a vida passa num estalo e quando fui ver já tinham se passado meses. E vou confessar uma coisa: nada esta organizado. Sempre aparece uma coisa pra atrapalhar a outra. E acaba que nada nesta vida está do jeito que eu gostaria.
Agosto e setembro foram críticos, mas outubro parece que ficou mais light.
Aprendi que não devo mais prometer se não posso cumprir e postar em meu blog é uma dessas coisas que não posso ficar prometendo.
Bem, mas vou aproveitar essa brecha e falar que meu natal foi mais ou menos porque perdi um primo no começo de dezembro e isso muito recente abalou toda nossa família.

Nos Ano Novo, foi mixuruca em questão de fogos. Ficamos em casa, eu meus dois filhos e o marido. Este ano ele não teve tempo de comprar os fogos e apenas tiramos algumas fotos e fomos ver os fogos que os outros estavam soltado. Rapidinho acabou tudo e cada um pegou o seu beco.

Parece mentira mas foi o dia que eu dormi mais cedo. Três horas da manhã eu já estava roncando como nunca, depois de ter comido um monte de besteirol das quais a doutora me proibiu de comer. Meti o pé na jaca e agora é correr atrás do prejuízo, porque com saúde não se brinca.

Não podia comer doces, mas fiz uma penca até porque meu filho faz aniversário logo no primeiro dia do ano e tem docinhos, bolo e as outras guloseimas obrigatórias de ano novo e Natal e aí já viu, nê? Só alegria.

Nos dias que se seguem, sobram rabanadas pra tomar no café, tem pastelzinho murcho mas que serve pra tomar com café. Tem os docinhos que caem bem com qualquer bebida até mesmo água e por aí vai. Acho que só de brigadeiro comi uns 20, docinho de coco, uns 10, rabanadas umas 08 e pastéis uns 16. Fora o pernil, o peru, o Chester, a farofa, o geladinho de abacaxi que não pode faltar e etc...

Depois eu fiquei com pena de mim. Sei que agravei minha saúde, mas se é pra morrer, quero morrer feliz.

Para descompensar o exagero das festas estou só no cafezinho com pão integral e adoçante, se é que vai me ajudar, mas por mais um ano ficarei só no frango grelhado e legumes e frutas.

Ai como é bom ser responsável e fazer a dieta ao pé da letra até a chegada do Natal. Pelo menos sou obediente por quase um ano, acho que tá de bom tamanho.

Espero que vocês todos tenham passado um Natal tranquilo e que esse ano de copa e eleições seja bom e diferente na sua vida.

Esse ano resolvi anular meu voto com toda convicção. Cansei de ser iludida.

" Se algum candidato atrevido for fazer promessa vai levar um pau...

Vai levar um pau pra deixar de caô e ser mais solidário,

nós somos carentes, não somos otários...."

Zeca Pagodinho

0 comentários:

 
Blogger Templates